Descubra Riviera Maya

Assim como Cancun, a 80 quilômetros de distância, a Riviera Maya é um destino pensado para o turismo que só cresceu, de fato, depois de uma injeção de capital. Contudo, se a vizinha é famosa pelo agito, essa região é conhecida como uma alternativa mais tranquila e cool.   

No entanto, isso não quer dizer que ela é parada, muito pelo contrário, já que a Riviera Maya tem até uma unidade do famoso Coco Bongo, combinação de boate, bar e casa de show que está entre os highlights da vida noturna de Cancun. Ele está localizada na área da Playa del Carmen, uma das áreas preferidas pelos turistas na hora de se hospedar. Afinal, ela tem boa infraestrutura aliada aos ares simplistas que remetem ao seu passado, quando era apenas um pueblo.  

A vida social está concentrada na Quinta Avenida, uma via dedicada apenas aos pedestres com restaurantes e bares, além de muitas lojas.  E é óbvio que, com esse nome, a Playa del Carmen também tem uma interessante faixa de areia diante do mar azul-turquesa que se estende por alguns quilômetros, conta com beach clubs e bastante movimentação.

A área também é ponto de embarque para passeios até Cozumel, ilha a menos de uma hora de barco, ótima para a prática de snorkel e mergulho. O pontapé inicial para ela se firmar como destino turístico foi dado pelo oceanógrafo francês Jacques Cousteau: ele disse que, com seu rico ecossistema, a ilha é um dos melhores lugares do mundo para mergulhar. Ano após ano, muita gente vem tirar a prova e não se decepciona.   

De volta a Playa del Carmen, não deixe de admirar o Portal Maia, monumento em frente as águas em homenagem ao povo maia que habitava a região antes da chegada dos europeus. Passado que permanece vivo, de certa forma, pois  uma das principais atrações da Riviera Maya é o sítio arqueológico de Tulum.

Ali estão os resquícios do que já foi uma grande fortaleza e cidade portuária da civilização pré-colombiana. São ruínas de casas e templos com mais de 900 anos de idade. Tudo isso diante do Caribe, criando um contraste que vai render, com certeza, algumas das  melhores fotos da viagem.  

Nas proximidades das ruínas de Tulum, dependendo da época, também é possível conhecer o Gran Cenote. O cenote  é uma espécie de caverna com rio subterrâneo – onde às vezes é permitido mergulhar ou praticar snorkel – formado há milhares de anos em diversos pontos do México. Dizem que, para os maias, eles faziam a ligação com o mundo dos mortos.

Quem curte natureza e viaja com crianças também deve visitar alguns dos ecoparques do grupo Xcaret na Riviera Maya. São diversas propriedades que celebram a natureza e, ao mesmo, tempo contam com estrutura de parques temáticos. O Xenotes Oasis Maya é dedicado a exploração de quatro cenotes; o Xel-Há que tem um imenso aquário externo e diversas áreas para nadar com peixinhos; e o próprio Xcaret que oferece trilha pela floresta, tirolesa, passeio de lancha e nado com golfinhos, além de diversas apresentações e shows que contam a história mexicana. 

Galeria de Imagens

Melhor época para viajar

A Riviera Maya tem temperaturas elevadas durante o ano todo, com médias acima dos 20oC mesmo durante o inverno, de dezembro a março. Os meses mais quentes são de junho a setembro e a estação das chuvas é entre agosto e outubro, mas o sol costuma aparecer uma hora ou outra. O spring break – a semana de férias dos americanos por conta da chegada da primavera, em março -  que movimenta Cancun também influencia o turismo local. 

Como chegar

O Aeroporto Internacional de Cancun é a melhor opção para chegar a Playa del Carmen, a cerca de uma hora de distância, e, consequentemente, à região da Riviera Maya. Ele está a 115 quilômetros do sítio arqueológico de Tulum, a 120 quilômetros do Gran Cenote e a 56 quilômetros da Quinta Avenida, na Playa del Carmen. 

Onde ficar

Na Playa del Carmen propriamente dita, perto da Quinta Avenida, há diversas opções de hospedagem, das pousadinhas aos hotéis mais caros. A vantagem é estar perto do mar, com opções pé na areia e próximo da movimentação dos bares e restaurantes locais. Outra alternativa é optar pelos resorts all-inclusive  mais afastado da Playa, ao longo da Carretera Tulum-Cancun. Eles costumam ser endereços autossuficientes com praias exclusivas, boates e diversas atrações para o viajante não precisar sair da propriedade.   

Dica do especialista

Se você gosta de natureza e aventura, uma dica imperdível é visitar o parque Xplor, do Grupo Xcaret. São quatro atrações: 14 tirolesas, veículos anfíbios que passam pelo selva, passeios de balsas em espetaculares cavernas e nado em um belíssimo rio subterrâneo com cenotes. O legal do parque é que você pode escolher as opções de curtir as atividades de dia ou de noite, além de ser All Inclusive. É uma experiência bem bacana, com a qualidade dos parques da Disney, mas sem aquela multidão de pessoas.

 
Cadastre-se em nossa Newsletter
OK
Cancelamento Gratis

Cancelamento Grátis

Consulte condições

Atendimento Whatsapp

WhatsApp

(21) 99971-2120

Seg-Sex 9h às 18h

Consultoras Online

Consultoras Online

Voltar ao Topo